Quinta, 22 de Outubro de 2020 02:47
(82)99621-8631
COVID-19 Alagoas

Centrais de Triagem para Covid-19 atenderam quase 980 usuários na última semana

Unidades são mantidas pela Sesau e estão localizadas em Maceió e Arapiraca

13/10/2020 16h26
Por: Redação Fonte: Agência Alagoas
Foto: Thallysson Alves/Agência Alagoas
Foto: Thallysson Alves/Agência Alagoas

As Centrais de Triagem para Covid-19 atenderam 978 pessoas na última semana, segundo aponta balanço divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), nesta terça-feira (13). Do total, foram 509 usuários no Ginásio do Sesi, em Maceió, e 469 no Ginásio João Paulo II, em Arapiraca.

Com relação ao quantitativo de testes rápidos aplicados, foram 654 entre os dias 5 e 11 deste mês. Conforme a Sesau, 375 deles ocorreram no Ginásio do Sesi, que funciona todos os dias da semana, das 7h às 19h. Já os demais 279 exames, foram realizados no Ginásio João Paulo II, que funciona de domingo a domingo, 24 horas por dia.

Quanto ao quantitativo de testes positivos para a Covid-19, a Central de Triagem de Maceió registrou 33 e a de Arapiraca contabilizou 58. No total, na última semana, foram 91 novos casos confirmados da doença provocada pelo novo coronavírus.

No caso dos usuários que tiveram seus testes rápidos negativados para a Covid-19, todos foram orientados a seguir com o uso de máscara, higienização constante das mãos e, somente sair de casa, quando houver extrema necessidade. De acordo com a coordenadora da Central de Triagem de Maceió, Maryana Costa, é importante portar o Cartão SUS, comprovante de residência e documento de identificação com foto ao comparecer às duas unidades.

“Temos percebido que muita gente está chegando com histórico de passeios, reuniões com amigos, viagens e presença em locais com aglomeração de pessoas. É preciso lembrar que a pandemia da Covid-19 continua. Não podemos esquecer que todos os dias o número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus aumenta e que precisamos proteger também os nossos entes queridos dos prejuízos que esse vírus pode causar a saúde”, orientou Maryana Costa.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.