Domingo, 11 de Abril de 2021 07:21
(82)99621-8631
Geral Alagoas

Plataforma de dados sobre a Covid-19 em Alagoas auxilia jornalistas e pesquisadores

Atualizado diariamente pela Seplag, Painel Interativo da Covid-19 tem permitido o acompanhamento mais aprofundado da situação da pandemia no estado

04/04/2021 11h42 Atualizada há 7 dias
Por: Redação Fonte: Agência Alagoas
Reprodução/Agência Alagoas
Reprodução/Agência Alagoas

Lançada no ano passado pelo Governo do Estado, uma plataforma tem sido, desde então, o braço direito de jornalistas e pesquisadores alagoanos na produção e difusão de conhecimento sobre a pandemia de coronavírus. Desenvolvido pela Secretaria do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag), o Painel Interativo da Covid-19 vem permitindo o acompanhamento aprofundado de diversos dados e sendo fonte principal de informações que auxiliam a diagnosticar e combater o avanço do vírus no território alagoano. 

Com diversas páginas atualizadas sobre a pandemia, a ferramenta disponibiliza dados por estado, municípios e bairros. Dinâmico e personalizável por meio de filtros que o usuário pode escolher, o painel conta com mapas e com o diferencial dos dados abertos, o que promove maior transparência e facilidade pra quem quer produzir outros conteúdos e materiais utilizando as informações nele contidas. 

Quem tem feito muito uso dessa funcionalidade, por exemplo, é o geógrafo da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), Esdras Andrade. Integrante do Grupo de Estudos da Covid-19 da instituição, ele conta que o painel é utilizado para alimentar o banco de dados de monitoramento geográfico do vírus e que, a partir dele, o grupo tem conseguido criar outros produtos importantes nesse cenário. 

“O painel vem sendo, desde a sua implementação, uma ferramenta muito importante no monitoramento do vírus, tanto no âmbito estadual quanto na realidade da capital. Por meio dele, elaboramos semanalmente um relatório expresso em mapas, no qual é possível usar os números obtidos para entendermos o comportamento espacial da doença”, complementa o geógrafo. 

De acordo com ele, os mapas desenvolvidos incluem tanto números mais simples, como as taxas de infecção e de letalidade, até os mais complexos, como o do mapa de evolução dos casos e de criticidade dos bairros e municípios.

“Com a elaboração desses produtos, disponibilizamos à sociedade uma visualização de onde o vírus está mais atuante. Dessa forma, cidadãos, imprensa e governos podem usá-los no enfrentamento da pandemia a partir de uma ótica espacial”, pontua Esdras.

EM PAUTA NAS REDAÇÕES 

E se tem outra categoria que também teve o trabalho facilitado pelo painel é a da imprensa. Os jornalistas, que desde o início da pandemia acompanham diuturnamente a situação do vírus no estado, usam a plataforma para produzir materiais com atualizações diárias e também com abordagens mais aprofundadas sobre o tema, disseminando algo que têm feito a diferença no combate à Covid-19: a informação. 

“Como os dados são atualizados diariamente, o painel permite ao jornalista se aprofundar no tema, fazendo comparações e estimativas sobre o avanço da Covid. Outra coisa que é muito importante é o acompanhamento da situação da pandemia nos municípios e nos bairros. Tem sido uma iniciativa importante e valiosa nesse momento em que a gente tem que buscar clareza nos dados e mostrar à sociedade alagoana como está sendo o enfrentamento à essa tragédia que tem feito tantas vítimas em Alagoas, no Brasil e no mundo", afirma a jornalista da Gazeta de Alagoas, Regina Carvalho. 

Outro que acompanha com bastante frequência as atualizações do Painel Interativo é o jornalista Lucas Thaynan. Ao lado da equipe da Agência Tatu, ele vem explorando a ferramenta e contribuindo para a produção de informação em múltiplos formatos sobre a Covid-19 aqui no estado. 

“Diariamente, nosso time acompanha os dados do painel para analisar a evolução da doença e a plataforma tem facilitado muito o nosso trabalho. A Tatu desde o início utiliza os dados disponibilizados pela Seplag em suas produções e com o painel não tem sido diferente. É uma iniciativa muito importante para a transparência e auxilia tanto no trabalho jornalístico, como também na cidadania, levando informação de qualidade a todos”, pontua Thaynan. 

Responsável pela coordenação do projeto de dados sobre o coronavírus no Estado, a Secretaria do Planejamento vem reunindo forças técnicas para disponibilizar dados da pandemia desde os primeiros casos de contaminação que foram verificados em Alagoas. A medida, realizada por meio da Superintendência de Produção da Informação e do Conhecimento (Sinc) da pasta, tem sido aprimorada constantemente, com vistas a facilitar e ampliar a disseminação das informações. 

“É um trabalho minucioso, mas que cumpre um papel essencial no enfrentamento à pandemia. Por meio dessa construção coletiva, e principalmente com o auxílio da imprensa e da academia, temos conseguido ampliar nossos esforços e alcances, fazendo com que a informação esteja acessível para a população e, sobretudo, que possa ser utilizada para salvar vidas”, afirma o secretário de Estado do Planejamento e Gestão, Fabrício Marques Santos. 

O Painel Interativo da Covid-19 está disponível no Alagoas em Dados, acesse em: dados.al.gov.br.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.